Header Ads

Lula diz em entrevista: 'Não posso me comportar como salvador da pátria'



Lula diz em entrevista: 'Não posso me comportar como salvador da pátria'O ex-presidente Lula concede na manhã desta terça-feira (2) uma entrevista à radio 'O Povo CBN', de Fortaleza. Durante a entrevista, ele aborda o impeachment da presidente afastada Dilma Rousseff e os motivos que levaram a presidente e o partido ao atual cenário político.

Em seu perfil oficial no Twitter, Lula comenta sobre o afastamento: "A presidenta Dilma precisa de seis votos para que o impeachment seja abolido. Nós, que lutamos tanto contra o regime militar, não podemos aceitar as pessoas jogarem a Constituição no lixo." Ele voltou a chamar a manobra orquestrada pela oposição de golpe. "É muito jovem a nossa democracia. A gente nem apagou os resquícios do golpe militar e vem um golpe parlamentar."

Ao comentar sobre o ação de Eduardo Cunha no impeachment, Lula afirma que o ex-presidente da Câmara dos Deputados agiu por vingança, após três deputados do PT não votarem por sua absolvição. "Dilma deve ser julgada pelo povo, não pelo Congresso", diz.

Sobre o mandato do presidente interino, Michel Temer, Lula afirma que o peemedebista age como se estivesse efetivamente no cargo e que ele "cerceou Dilma e a impediu de viajar". Ao ser abordado sobre seu papel atual na política, ele foi categórico: "Não posso me comportar como salvador da pátria".

Fonte: Notícias ao Minuto
Tecnologia do Blogger.

NOTÍCIAS ALEATÓRIAS

Recentes